quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Tem 15 dias que meu médico me deu "alta provisória".
O engraçado é que fizemos um trato, de que não ligarei em hipotese nenhuma, nem para pedir opinião caso eu me apaixone.
Tenho 3 meses para me auto-avaliar, reaparecendo para a consulta de rotina, somente em meados de março.
E olha, estranho. Muito estranho, mas está sendo bacana, porque estou colocando em prática as técnicas de relaxamento que aprendi; estou observando que eu emgareci e tenho comido um pouco mais o que ele me sugeriu, caso me sentisse magra; e tenho pensado no quanto sou capacitada.
O tratamento oficial, recomeçou em junho. De lá para cá, ganhei acima de tudo a coragem de recomeçar, cada vez que eu cair, porque as recaídas são normais e como ele me diz, é natural enfraquecer na jornada, na luta. Mas ele sempre me diz que não é feio ser fraco e cair.(Ouvi isso a vida inteira, principalmente na religião, mas hoje eu acredito mesmo!).
Estou feliz em constatar isso e em verificar que estou bem, hoje. Me sinto mais leve, mais limpa de meus medos e mais audasciosa. Aliás, a palavra do momento para mim: ousadia.
Começarei ousando amanhã, ficando mais loira e bela!
Meu médico, ficará muito orgulhoso de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Semana 01 de 2018 - Insegurança

E chegamos finalmente em 2018. Meu réveillon foi muito bom. Tive uma crise interna quando cheguei na festa, meio que me achei feia (sim, é ...