sábado, 25 de abril de 2009

Sambar é uma delícia!

Há tempos estava com vontade de dançar. O dedo machucado impedia, e ainda impediu minha performace ontem, quando junto com meus amigos lindos fomos a um samba maravilhoso.
Eu me esbaldei, não só pela boa companhia e boa música, mas pela certeza de que dançar realmente faz um bem danado.
O local, lotado de gente de todo tipo, bebida de todo tipo e romances de todos os tipos. Uma mistura de vontades e alegrias, um momento em que ninguém é melhor ou pior. Alguns até dançam melhor, mas na essência somos todos iguais, todos ali procuravámos descontrair e ser feliz.
Saí exatamente como entrei, com a alma leve. Apesar de um mínimo contratempo, eu mais uma vez, lady como sou, ignorei o fato e segui com minha tentativa de dançar sem prejudicar o dedo.
A cama, quentinha só veio às 05 da manhã, mas a alma estava feliz!

O chato é sempre constatar, que em toda farra, há sempre mulher sobrando e poucos homens que valham a pena. Ontem pelo menos, eu não vi nenhum!

Mais um dia dos namorados

Ontem foi aquele dia clássico onde a internet bombou e o comércio, ainda que em crise, arrecadou bastante. Criado pelo pai do Dória, o 12 d...