quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Eu me casaria assim

Quem me conhece sabe que eu jamais me casaria com um vestido clássico. Acho lindo nas outras meninas, mas eu não me imagino. Já cheguei a provar um e o achei muito lindo, mas não me emocionei. Mas já provei vestidos brancos comuns com o qual me casaria mesmo, sem medo. Ainda mais porque eu quero me casar de dia e com uma feijoada para um monte de gente, logo quero não só que eu me sinta à vontade, mas os meus convidados também. Daí que as imagens de hoje são peças com o qual eu me casaria. Fico até emocionada. Fico feliz que apesar de tudo, consiga hoje me imaginar casando novamente.

Casar de calça? Por que não? Cada noiva segue um padrão, e eu sou Secretária. Com certeza esse look é perfeito para mim. Ia cobrir a tatoo da batata da perna, mas aí no almoço eu trocaria por algo mais leve ainda. 

Blanco and



Adorei a leveza desta saia com esta blusa. E continuaria sendo eu em uma versão romântica. 

Darccy
                  Shop,  and


Gostei do caimento deste vestido. E ele te bolso, acho tão chique! E essa cor me agrada. E amei o sapato laranja!


Happy Days

Dizem que não se usa mais o tal do peplum, mas como eu não sigo tendência alguma, usaria sim, independente de quando me casaria. E o sapato poderoso? 


red heels


Looks que vi e amei aleatoriamente - segunda à domingo




Travel chic.










Cute Work outfit





great for teaching





cute work outfit.




Work Outfit










I need this outfit.







Neutrals, animal print, & the perfect accessory.






Decorações básicas

E eu entrarei em 2015 querendo gastar muito menos com o que não interessa. E minha casinha continua cada vez mais básica. E continuarei postando fotos de lugares fofos e especiais, sem que neles estejam peças caríssimas. 



Sitting room




byl5



Style for small spaces - perfect for tiny flats in London. I wish we could get such lovely period properties though.



Floor-to-ceiling split shower curtains...make a small bathroom feel more luxurious.




Small, but functional studio kitchen.




Sobre o Natal,cóccix, descanso e salário.

O meu ano de 2014 está terminando bem legal (só que não). Primeiro que o tal do 13º salário está chegando há uma semana. Recebemos um pedaço do pagamento, e até agora nada da segunda parte. O que sugere um total respeito às leis trabalhistas. Um caos. Mas essa é a Lei e pouco dela nos ampara. Não podemos reclamar para ninguém, nem para o Sindicato e tudo o que fazemos é lamentar o fato de que hoje, 24 de dezembro, a grande maioria não tem dinheiro para o peru.
O que me leva ao segundo tópico. Mais um Natal e eu continuo com a mesma cara que uso quando esta data e o réveillon chegam: cara de quem acha um porre tudo isso. Antes que a pedra atinja minha cabeça, garanto que vou, rio, as vezes participo de amigo-oculto, não como, porque acho estranho esse tipo de alimentação à meia-noite, e respeito quem vive isso como se fosse o dia mais importante do ano de fato. E é. Comercialmente falando, católicamente falando. Então, eu passo por estes dias normalmente. Teve um dia que me chamaram de falsa, porque eu tinha feito uma mini farra decorando o ap da mamãe. Mas gente, não sou falsa, mas se não comento nada reclamam. Resolvi assumir logo que só passo pelo Natal por causa dos meus pais. E assim seja.
Réveillon, por sorte será em casa, deitadinha, porque, pasmem, trabalho no dia 01, claro. E estou mega feliz. Depois conto este detalhe.
O que me leva para o último tópico. Este ano foi de fato um ano em que eu não parei muito. Casamentos, Copa do Mundo, pós furada, aula de português, aulas de inglês, de russo, brechó, e tantas outras coisas que eu fiz, que logicamente, algo ia acabar reclamando, e reclamou. Há cinco meses venho sentindo dores pesadas no cóccix e depois de muita luta, descobrimos o que é. Ainda preciso fazer uma ressonância para descobrir a gravidade, mas é nítido que o trem não anda bom mesmo. Então que agora, ou eu descanso nas horas livres ou eu descanso. Mas consegui convencer o meu médico de que irei diminuir o ritmo, mas não parar totalmente. Não consigo. Estou tomando um remédio mega forte, que inclusive ontem me fez quase dar um piripaque, depois fisioterapia e como ele me pediu: cama. Sim, deitar, pernas pro ar, silêncio e ócio. Por que não né? Pelo menos neste começo de 2015, para recuperar as energias e ter um ano melhor do que este.
E assim desejo que seu Natal hoje seja massa! O meu será normal e amanhã certeza que farei o que meu médico pediu: dormir o dia inteiro e esperar o Papai Noel trazer o dinheiro do meu 13º salário!

Beijos e beijos!


Alguém me disse

Alguém me disse uma vez que eu nunca mais encontraria ninguém na vida. Eu imatura questionei se era um homem como meu ex. Esta pessoa me re...