Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 24, 2014

Eu me casaria assim

Imagem
Quem me conhece sabe que eu jamais me casaria com um vestido clássico. Acho lindo nas outras meninas, mas eu não me imagino. Já cheguei a provar um e o achei muito lindo, mas não me emocionei. Mas já provei vestidos brancos comuns com o qual me casaria mesmo, sem medo. Ainda mais porque eu quero me casar de dia e com uma feijoada para um monte de gente, logo quero não só que eu me sinta à vontade, mas os meus convidados também. Daí que as imagens de hoje são peças com o qual eu me casaria. Fico até emocionada. Fico feliz que apesar de tudo, consiga hoje me imaginar casando novamente.
Casar de calça? Por que não? Cada noiva segue um padrão, e eu sou Secretária. Com certeza esse look é perfeito para mim. Ia cobrir a tatoo da batata da perna, mas aí no almoço eu trocaria por algo mais leve ainda. 



Adorei a leveza desta saia com esta blusa. E continuaria sendo eu em uma versão romântica. 


Gostei do caimento deste vestido. E ele te bolso, acho tão chique! E essa cor me agrada. E amei o sapato…

Looks que vi e amei aleatoriamente - segunda à domingo

Imagem

Decorações básicas

Imagem
E eu entrarei em 2015 querendo gastar muito menos com o que não interessa. E minha casinha continua cada vez mais básica. E continuarei postando fotos de lugares fofos e especiais, sem que neles estejam peças caríssimas. 




















Sobre o Natal,cóccix, descanso e salário.

O meu ano de 2014 está terminando bem legal (só que não). Primeiro que o tal do 13º salário está chegando há uma semana. Recebemos um pedaço do pagamento, e até agora nada da segunda parte. O que sugere um total respeito às leis trabalhistas. Um caos. Mas essa é a Lei e pouco dela nos ampara. Não podemos reclamar para ninguém, nem para o Sindicato e tudo o que fazemos é lamentar o fato de que hoje, 24 de dezembro, a grande maioria não tem dinheiro para o peru. O que me leva ao segundo tópico. Mais um Natal e eu continuo com a mesma cara que uso quando esta data e o réveillon chegam: cara de quem acha um porre tudo isso. Antes que a pedra atinja minha cabeça, garanto que vou, rio, as vezes participo de amigo-oculto, não como, porque acho estranho esse tipo de alimentação à meia-noite, e respeito quem vive isso como se fosse o dia mais importante do ano de fato. E é. Comercialmente falando, católicamente falando. Então, eu passo por estes dias normalmente. Teve um dia que me chamaram de …