quinta-feira, 9 de julho de 2015

E depois de 6 anos, o recomeço

Esperei o dia terminar, ver como me sairia e fui refletindo sobre o que iria escrever aqui hoje. Esse texto é muito especial, pois é um texto de gratidão.
Saí da ANTAQ, aproveitando essa mudança de empresa. Saí para o novo e o desconhecido, com muito medo e insegurança. E se não der certo? E se me acharem uma profissional mediana? Mas fui, mesmo com todos esses medos. 
Mas não poderia jamais ir embora sem agradecer. Agradecer pelo aprendizado, pelo carinho, pelas amizades e até mesmo pelas pessoas que não gostaram de mim e pelos momentos de dificuldade. Foram 6 anos de entrega total. Vivi a Assessoria Internacional como uma mãe cuida de seu filho. E saio muito satisfeita pelo que me tornei como pessoa e como Secretária Executiva. 
Agradeço a cada memorando, cada tradução, cada viagem e eventos organizado. Agradeço às patadas, os salários atrasados e até as férias que raramente entraram no dia. Pelo bom e pelo ruim, a ASI foi meu mais longo trabalho e eu sou muito feliz por ter tido essa oportunidade.
Oportunidade que começou em 2009, com minhas mechas laranjas e uma entrevista estranha com o Almirante, que carinhosamente me deu a chance de ser sua Secretária e hoje, amiga. Oportunidade que continuou avançando com o Pablo e o Pedro, sempre confiando em mim e acreditando principalmente no que eu escrevia. E seguiu com a Gabriela, que além de uma grande amiga, se tornou referência e que um dia me disse que eu já não era Secretária há tempos. Ela acredita que já posso ser Assessora, e tenho orgulho dessa confiança que sei durará eternamente. E por último, Ana Higa, um ser humano leve, que me incentivou a querer algo novo e a dar a oportunidade para outra pessoa. 
Tenho que agradecer à muitos colegas e parceiros de trabalho do começo e de sempre: Morgana, Rose, Cris, Liza, Elza, Patricio, Luzia, Edina, Gabriela, Angêla, Silvânia, Teresa, Gerlane, Evelyn, Cintya, Wânia, Tati, Ju, Indiara, Karem, Patricia, Helena Carla, Adrianas, Celinha, Márcia, Valdinei, Fernando, Marisa, Lu, Aquiles, Eduardo, Tia Iza, Brigite, Layanne, Pamella, os estagiários: Juliana, Isabelle, Mariana, Carlos, José Robson, Lucia, Tati (ASP), Duau, Cyrce, Rafael Galvão, Giovanni Giuseppe,  ai to esquecendo muita gente, mas que foram tão importantes para mim. Agradeço aos que foram meus alunos de espanhol e inglês. Agradeço por compartilharem seus conhecimentos e dores, quando em cada mês, o salário atrasava. 
Agradeço à equipe de apoio da Informática, Limpeza, Copa, Segurança e Recepção: Marques, Márcio, Francsico, Dona Dalva, Dona Francisca, Nayane, Jussara.
Agradeço aos Diretores, de ontem e de hoje, principalmente o Dr. Mário Povia, que sempre me chamou de Karina e acreditou em mim. Um dia ele me disse: Você é imechivel, nem sei escrever, mas eu escutei isso em um dia que estava prestes a desistir de tudo. Agradeço ao Chefe de Gabinete, Assessores, Superintendentes e Gerentes, por cada um do seu jeito colaborar com o meu crescimento.
Um muito obrigada às minhas noivinhas da ANTAQ: Cris, Núbia e Renata, hoje também minha afilhada de casamento e amiga para uma vida inteira.
Agradeço pelas horas em que pude ajudar, pelos momentos em que não fui egoísta, pelas risadas, pelas piadas, risos, fofocas, pelas marmitas da Tia Nina, que até me engordaram. Uma vida vivida ao lado dos melhores. 
Mas eu precisava sair. Precisava sair e me ver desafiada. Entender que eu sou sim substituível e que o caminho é cheio de novas possibilidades. E acreditar que vai dar certo. Deu certo na ANTAQ e há 6 anos eu era muito desleixada, medrosa e até não acreditava que fosse tão longe. Mas fui, e segurei muitas barras, chorei muitas lágrimas, acompanhei amigas casando, ficando grávidas, separando, começando a namorar, comprando um carro, perdendo algumas coisas, ganhando outras. Eu vivi intensamente, e serei eternamente grata por absolutamente tudo.
Sei que no meio desse texto esqueci alguém. Estou muito emocionada, muito mesmo. Desde ontem choro e choro de alegria pela oportunidade que Deus me deu e de saudade de cada pessoa que acreditou em mim e esteve comigo desde o dia 12 de maio de 2009.
A caminhada não acabou e cada um com quem estive ali, pode contar comigo independente de não estar mais ali todos os dias. Por sorte temos os meios de comunicação e a vontade de manter esse carinho para sempre.
Muito obrigada e que Deus os abençoe. Nos abençoe.

10 anos. A pausa.

sexta-feira, 13 de abril de 2007 Novo blog...............aff Sério..........essas formalidades da informática me irritam. havia...