quinta-feira, 29 de abril de 2010

Hoje, as 4h44, eu estava em um sonho conturbado, mas que na verdade era realidade. Alguém, deu 2 porradas em minha porta, possivelmente, reclamando da televisão que estava alta.
Estou até agora, assustada. Não tive, desde então, sossêgo. Ainda cochilei e neste tempo, tive outro pesadelo, desta vez, alguém entrava em minha casa.
Desci, para me certificar de que ninguém havia reclamado do barulho. Ou seja, a pessoa é do meu andar e realmente bateu em minha porta, pois, até o porteiro ouviu, e pensou que era briga de casal. O elevador não foi utilizado neste horário, o que nos faz concluir, que realmente era vizinho.
A sensação que tive, não tem nem definição e até com dor de cabeça acordei...Foi algo para mim sobrenatural, esquisito e lamentável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Quando é preciso acreditar em si

Há um ano eu conheceria uma pessoa que mudaria para sempre a relação que eu tenho comigo mesma. E que me fez entender o que é atravessar um...