segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Primeira semana de 2016.

E mais uma semana que começa muito esquisita. Não sei se é o tempo, chuvoso, fechado, com poucas doses de sol. Ou o frio glacial que faz em minha sala e que me deixa profundamente irritada. Não sei. Só sei que novamente começo minha semana, mais uma, com uma leve sensação de tédio, insegurança e porquê não, depressão.
Venho de uma primeira semana de janeiro cheia de questionamentos e de solidão. Semana passada derramei muitas lágrimas. Semana passada tive muito medo. Semana passada foi mais uma semana cheia de pesadelos, de insônia e claro, de questionamentos.
Semana passada me calei um pouco também. Estou tentando colocar em prática algumas resoluções que estabeleci como metas importantes para 2016.
Mudar não é fácil. Deixar de lado algumas manias também não. Acontecem algumas recaídas e aí é onde começa meu pesadelo interno. Recaídas me dão vontade de desistir de tudo, mas tenho a sorte de ter um Deus maravilhoso me guiando.
Sábado fiz meu primeiro casamento do ano e saí com a certeza de que não fui muito bem. O que eu faço em momentos como esse? Envio mensagem pedindo desculpas. E uma das resoluções para este ano é justamente essa: parar de ficar pedindo desculpas quando estas não forem solicitadas. O problema do mundo não é culpa minha, e aprender que nem tudo gira em torno do meu umbigo é quase um parto. Mas me segurei e até o presente momento não pedi desculpas, porque percebi que se eu tiver feito algo errado, a pessoa irá chegar e dizer: olha não gostei de tal atitude sábado, sexta, segunda, a vida inteira.
E assim começo minha semana. Tendo a certeza de que não sou a única errada, culpada, feia, inchada e mau amada. Não sou culpada de tudo ou por todos. Sou humana, erro, sim, demais até, mas ficar pedindo desculpas não irá acabar com a fome e a falta de vida em algumas outras vidas.
Entrego a Deus a minha língua, para que dela não saia fofoca e meu coração, para que dele só saia amor e pensamentos positivos. 
E no lugar de pedir desculpas hoje, vou apenas refletir no que preciso mudar e confiar de que amanhã não terei mais sentimento negativo nem sobre mim, nem sobre o próximo.

E desejo a você perdão. Mas não estou pedindo por mim. Peço apenas por você. 

Beijos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

10 anos. A pausa.

sexta-feira, 13 de abril de 2007 Novo blog...............aff Sério..........essas formalidades da informática me irritam. havia...