quinta-feira, 16 de maio de 2013

Lidando com o Chefe

 
 imagem Mhofelmann
 
Sempre que posso eu leio artigos e textos do Max Gehringer, que é um famoso especialista em Gestão de Carreiras e que nos dá ótimas dicas. Ele ajuda tanto empregados quanto empregadores e eu acredito muito no que ele nos passa.
 
As dicas de hoje são para o relacionamento com o Chefe. Isso é importante sempre ser observado, ainda mais quando a relação com o chefe é de muita confiança. Não podemos confundir liberdade com libertinagem né?
 
Vamos lá às dicas:
 
 
1º - Nunca falar mal do chefe. As orelhas do chefe são do tamanho de todas as paredes e de todos os corredores da empresa.
2º - Nunca ofuscar o chefe, seja na roupa, no comportamento ou na inteligência.
3º - Jamais colocar a culpa no chefe, principalmente quando a culpa é do chefe.
4º - Não assumir responsabilidades que são do chefe. Se não existe um subchefe oficial, isso não significa que a função será de quem pegar primeiro.
5º - Não tratar o chefe como amigo íntimo na frente de colegas ou de clientes.
6º - Não interromper o chefe quando ele está falando. Não é que chefes não gostam de ser interrompidos. É que eles detestam.
7º - Nunca dizer “Chefe, temos um problema.”. Isso é o que se chama de delegar para cima. O chefe não quer problemas; quer soluções.
8º - Jamais perguntar se um trabalho é urgente. Se o chefe, em pessoa, pediu, então é muito urgente.
9º - Nunca dizer que cometeu um erro porque não entendeu bem o que o chefe tinha pedido. Se o chefe fala em gótico, o subordinado precisa aprender gótico.
10º - Nunca tentar explicar para os colegas alguma coisa que o chefe disse. Chefes não apreciam o subordinado porta-voz. Se alguém tem dúvida, deve perguntar diretamente para o chefe.
 
Uma vez me perguntaram o que era de fato importante para mim em uma empresa. E eu disse que o meu relacionamento com o meu chefe. Para mim não é preciso que ele seja padrinho do meu filho e almoçe em minha casa, mas precisamos ter um nível de relacionamento confiável e honesto. E de respeito obviamente. Acredito que o nosso trabalho é a nossa primeira casa, pois passamos muito mais tempo trabalhando do que fazendo outras coisas e isso é muito normal para muitas pessoas. Então, eu realmente prezo essa relação o mais leve possível.
E sempre lembrando: todos os chefes são iguais, mas como nós lidamos como eles é que faz a diferença.
 
Beijos e beijos!
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

10 anos. A pausa.

sexta-feira, 13 de abril de 2007 Novo blog...............aff Sério..........essas formalidades da informática me irritam. havia...