quinta-feira, 17 de junho de 2010

Desastres de um dia cinzento internamente

Saldo do dia: corpo doendo, espirros infinitos, mau humor terrível e mais: crise profissional.
Era só o que me faltava. Não por culpa minha, mas de uma chamada de meu chefe, por causa de um comentário de outro chefe que uma secretária falou e....Telefone sem fio, que terminou de azedar com o meu dia. Eu que já estava de saco corroído, terminei de me emputecer profundamente. Ainda não entendi bem o que rolou, mas vou colocar meu faro investigativo para funcionar e logo. Entendi que alguém será demitida, mas ainda preciso descobrir quem e o que foi dito, tudo de maneira discreta.
Oh saco viu?. Parace que quando um lado se organiza, o outro desanda de uma forma desastrosa.
Não fui dar aula. Primeiro porque a gripe tá phodástica, depois porque meu humor está crítico e por último, estou gastando horrores com passagem, por culpa da crise existencial dos rodoviários. A cidade está uma meleca, está tudo zoneado e eu impaciente.
Vontade de matar meio mundo mais os do outro mundo espiritual. Enfim...
Espero que dormindo eu consiga me reanimar, tipo respiração boca a boca mesmo. Porque o dia de hoje, entrou para a história dos piorados e sem cor.
Detesto....

P.S: ao menos me resta a esperança de que em breve poderei colorir meu mundo interno. Coração anda querendo reascender e bater mais forte. Que os anjos digam amém, tipo assim, milhões de vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

10 anos. A pausa.

sexta-feira, 13 de abril de 2007 Novo blog...............aff Sério..........essas formalidades da informática me irritam. havia...