quinta-feira, 6 de maio de 2010

Instinto maternal

Ao me despedir de uma amiga e desejá-la um feliz dia das mães, ela me disse: parabéns pelo seu intinto maternal...!
Ela saiu rápido e eu não ocnsegui que ela me explicasse de fato o que ela quis dizer com isso.
Fui ao shopping, e enquanto escolhia o presente de mamãe linda e rimã ratattoulie, eu fiquei refletindo sobre a frase e meu coração ficou bem apertado.
Achei tão forte e mexeu comigo. Não sei se estou muito fragilizada, só sei que eu me lembrei de tudo que já passei até aqui e percebi que em todos os momentos minha mãe esteve comigo. Nas decisões acertadas, nas quedas, nas alegrias pessoais e nos fracassos amorosos. Mamãe, é tão forte sabe?. Passou por tudo na vida, passou mesmo, por cima, massacrou qualquer coisa que pudesse limitá-la, fraquejá-la e derrubá-la. E eu a olho e percebo que ela me criou exatamente para as mesmas condições.
Cresci tendo o exemplo do maior grau de honestidade e dedicação. Vejo em minha mãe a verdadeira vocação para fazer os outros felizes. Vejo em minha mãe os motivos mais sinceros de vida e de alegria.
E é fato, que se eu me tornar metade do que ela é, eu serei sim muito feliz. Se eu me concentrar, se eu me entregar à vida da mesma maneira que ela fez, tenho certeza absoluta que me sentirei realizada.
Amo minha mãe assim como ela é. Tem defeitos como um ser humano comum, mas aos meus olhos de filha, ela não tem nada de errado não. Porque eu acredito no amor que vem dela; acredito que tudo que ela deseja para mim como filha e como mulher, são as melhores coisas da vida. E esteja a onde eu estiver, seja lá quem eu seja no futuro, é ela quem sempre será meu exemplo, minha formosura, minha musa.
E aí, vou continuar buscando em mim, esse tal instinto que minha amiga falou, e peço a Deus que ele seja verdadeiro, que venha da alma, que possa contribuir, ajudar, fazer pessoas felizes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Quando é preciso acreditar em si

Há um ano eu conheceria uma pessoa que mudaria para sempre a relação que eu tenho comigo mesma. E que me fez entender o que é atravessar um...