segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Fui assistir ao jogo do Fla em um bar, específico para estes eventos.
Por volta das 15 horas, lotado. Meu amigo, amigo do dono do bar, conseguiu um lugar estratégico para nós e lá nos sentamos.
Tudo ia bem até o jogo começar e vários bebuns resolverem colocar suas manguinhas de fora.Queriam derrubar mesas, alguns tentaram forçar a entrada. Na hora do gol, eu vibrei. Sim, pulei, abraçei, tudo dentro dos conformes.
Mas é claro, tinha um espírito de porco que começou a jogar cerveja para o alto.
Definitivamente, o ser humano é tosco, ou pelo menos uma boa parte.
Ao fim do jogo, a eufória se alastrou e tornou ares de inferninho. Garotões descamisados, pulando em carros e soltando fogos, perdendo a vergonha e a carteira certamente.
Eu vibrei tanto quanto todos estes seres. Mas tenho certeza que meu único prejuízo foi esquecer minha identidade com meu colega.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Semana 01 de 2018 - Insegurança

E chegamos finalmente em 2018. Meu réveillon foi muito bom. Tive uma crise interna quando cheguei na festa, meio que me achei feia (sim, é ...