quinta-feira, 25 de abril de 2013

Sobre parar de criticar!

Se você é gay, é pecado. Se você é bissexual, é confuso. Se você é muito magro, usa drogas. Se você é forte, usa bomba. Se você é gordo, come demais. Se você anda bem vestido, é riquinho. Se você diz o que pensa, é grosso. Se você não diz o que pensa, é falso. Se você chora, é um dramático. Se ela tem muitos amigos homens, é biscate. Se ele tem muitas amigas mulheres, é gay. Será que um dia vamos viver num mundo sem rótulos?




Sempre que leio este texto, eu chego a me emocionar, tamanha veracidade das palavras.
Eu já vivi muito isso na pele e sei que muitos vivem. Sei também que vez ou outra, meu lado animal faz algum desses comentários. Peço perdão. Porque sei que é feio, grotesco e sem alma.
 
Repense!
Não deixe sua língua ferina acabar com o que pode ser verdadeiro.

2 comentários:

  1. Adorei o texto!
    Mas vamos mudar "língua felina" por ferina?
    Coitadinhos dos felinos,tão lindos e inofensivos!beijo

    ResponderExcluir
  2. Farei isso agora. Obrigada pela visita e dica. E volte sempre!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Quando é preciso acreditar em si

Há um ano eu conheceria uma pessoa que mudaria para sempre a relação que eu tenho comigo mesma. E que me fez entender o que é atravessar um...