segunda-feira, 26 de julho de 2010

Ser feliz com alguém, só depois de ser feliz comigo e minha alma


Choquei com a notícia da separação da Claudia Raia e do Edson Celulari. Eles já davam sinal de desgaste há algum tempo, embora os rumores não fossem fortes. Ambos desmentiam, dizima que eram felizes. Pareciam realmente um casal e tanto.

É, mas até os casais perfeitos, se desentendem e o amor acaba para qualquer um.

E eu trabalhaei em um casamento sábado. Estranho ver os dois lados assim, em tão pouco tempo.

Mas no fundo, o importante mesmo é procurar a felicidade interior, a paz, o amor cada um encontra à sua maneira. Que Deus abençõe os que se amam e os que já não se amam mais.


Por enquanto, eu estou feliz acompanhada de alguém especial. Mas sou do tipo de pessoa que acredita na felicidade da maneira mais honesta e aprendi com os tapas da vida, que nada deve ser forçado, por implicância ou por obstinação falsificada. Para ser feliz à dois, é preciso ser feliz individualmente. Então, qualquer coisa que não esteja dando certo e não for resolvida no diálogo e no amor, é preciso ser modificado, antes que o coração fique despedaçado e o recomeço seja mais doloroso. Enquanto existir o amor de duas pessoas de forma que os dois estejam felizes de verdade, que prevaleça essa vontade de estar junto. Se isso acabar, e começarem aquelas brigas sem necessidade, então é hora de partir e cada um procurar seu novo caminho.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

Semana 01 de 2018 - Insegurança

E chegamos finalmente em 2018. Meu réveillon foi muito bom. Tive uma crise interna quando cheguei na festa, meio que me achei feia (sim, é ...