quinta-feira, 20 de maio de 2010

Sem idéia concreta. Filosofando em mesa de botequim.

Hoje não tem aula de russo e eu me sinto altamente perdida quando isso acontece. Quando eu não dou aula em nenhum dos dias, eu fico bem triste mesmo. Mas meu Aluno Nerds de Russo precisou trabalhar durante a noite, então, só em junho agora. Snif.
Aí passei no bom e velho mercado, abasteci a geladeira com alguns itens importantes e agora, estou esperando CSI e minha irmã, que vai dar uma passada aqui.
Dia tenso. Aliás, desde que meu novo chefe assumiu, eu só tenho tido dias tensos. Não é tensão ruim, é algo bom, mas estou bem cansada. Não estou reclamando não, só desabafando um pouco. Adoro meu trabalho e estou bem confiante. Mas, graças a Deus, amanhã é sexta e eu quero dormir cedo e descansar ao máximo, pois mereço mesmo!.
Ontem, fiquei passeando com minha amiga Mamãe de primeira viagem, linda, pelo caríssimo shopping Iguatemi. A gente adora fofocar e falar sobre tudo. Aprendo muito com ela. Foi muito legal e divertido. Não gostei tanto do local, acho que por ser lugar de bacana né?. Mas a companhia foi tão perfeita, que eu adorei tudo...Saí assustada com algumas coisas carérrimas que vi nas vitrines, tipo, um lenço Louis Vitton por 385 reais, um vestido por 7 500 reais. Me pareceu algo tão fora de lógica. Não sei se possuísse tanta grana, eu teria coragem de ostentar isso. Claro, não sairia também mesquinhando em loja de departamento, certamente eu deixaria isso para trás, mas sério: 7500 reais em um vestido?. 380 reais em um lenço?. Não sei, prefiro manter meu bom gosto em peças bonitas e mais em conta.
O lance de ser rico, realmente não me passa muito pela cabeça. Claro também, que não penso como pobre. Penso como gente que trabalha para ostentar o merecedor. Gosto de comer bem, quando como. Gosto de me vestir bem, com roupas confortáveis; gosto de presentear meus amados. Adoro relógio, sapato, bolsa. Mas não gasto desenfreadamente, pois as contas pedem cautela.
Quando eu for diplomata, ou qualquer outra coisa que melhore meu status, eu só espero mesmo, poder viajar para Paris. Talvez, esse seja meu maior sonho de consumo luxuoso e sei que não tem nada de exagerado nisso né?
Sei lá...divagando. Sem idéia concreta para textos e filosofia. Escrevendo pelo gosto único de ouvir o barulhinho do teclado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Me ajude a ser melhor!

10 anos. A pausa.

sexta-feira, 13 de abril de 2007 Novo blog...............aff Sério..........essas formalidades da informática me irritam. havia...